Propriedades Naturais do Ouro

| Março 22, 2012 | 0 Comments

O ouro e as suas propriedades

O nome ouro vem do latim, “Aurum”, é um metal original e não é valorizado apenas pela sua raridade, mas também pela sua gama de cores encantadoras, pelo seu carácter distinto e pelo seu suave brilho metálico, a sua resistência a manchas, e a sua exequibilidade. O ouro é tão suave e maleável que uma Onça (28,35g) pode ser estendida em um fio de 1.609 km de comprimento se for martelado numa  folha, e de tão fino que se pode tornar pode chegar a cobrir 100 metros quadrados ou seja, com um grama de ouro, é possível obter um fio de três quilómetros de extensão, com um diâmetro de 0,005 mm, ou uma lâmina quadrada de 70 cm de largura e espessura de 0,1 micrómetro, são estas as características que convidaram as altas qualificações de artesãos e artífices através dos tempos. Por milhares de anos o ouro foi forjado em artigos de decoração, em ícones religiosos e talismãs, e claro, moldado e formado em moeda corrente.
Como um símbolo de beleza, nobreza e constância, o ouro foi valorizado e até mesmo venerado. Guerras foram travadas e nações conquistadas por causa do ouro. Devido ao seu alto valor excecional, o ouro em todas as suas formas, desde sempre se impôs com regras e normas, exigindo assim um sistema de pesos e padronização de pureza. Não é de surpreender que a necessidade de análise e consideração de ouro levou à invenção das primeiras escalas.
O ouro e suas propriedades naturais são tão distintas que atraem o seu uso na Joalharia e Ourivesaria como adornos, segundo reza a história, já desde o ano 4000 AC. Na sua origem o ouro puro tem 24k ou 1000 milésimas é um metal extremamente maleável de cor amarela. Para que esse metal seja apropriado para a confeção de joias, são feitas as ligas com outros metais que acrescentam cor e resistência ao metal.

O teor de ouro de joias é indicado em quilates, o sistema de quilates, serve para definir o montante de ouro presente numa liga. O ouro na sua forma mais pura, ouro 1000 corresponde a 24 quilates (24k). As joias de ouro puro têm 24 (k) quilates, embora normalmente as joias vendidas em ourivesarias não sejam feitas em ouro puro porque o ouro nunca chega a ser 100% puro, como tal a sua classificação mais alta é de 999 pontos, tem um menor teor de ouro e tem uma liga metálica com o cobre e a prata que servem como agentes de endurecimento, pois em estado puro o ouro é demasiado mole para uso. Joalharias e fabricantes de moedas, desde cedo, têm feito uso do ouro e das suas diversas ligas metálicas para fabrico de moeda. Os compradores quando estão a avaliar as joias de ouro usado fazem os cálculos apenas ao peso do ouro, a não ser que sejam classificadas como antigas, essas podem ter um valor superior. Para fazer o cálculo, é utilizado como referência a cotação do ouro.

Quando um comprador pretende saber o valor de uma jóia deverá considerar a cotação do grama do ouro no dia da avaliação.

Propriedades físicas e químicas do ouro:

  • Número atómico: 79
  • Peso atómico: 196,967
  • Ponto de fusão: 1.063º C
  • Ponto de ebulição: 2.966º C
  • Densidade: 19,3 (20º C)
  • Estados de oxidação: +1, +3
  • Configuração eletrônica: (Xe)4f145d106s1
  • Símbolo químico – Au
  • nº de isótopos: dezoito isótopos.

Incoming search terms:

  • propriedades do ouro

Category: Geral

Leave a Reply

*


3 × one =

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress