O que faz a Vitória de Obama à Cotação do Ouro?

| Novembro 13, 2012 | 0 Comments

Barack Obama voltou a ganhar e agora o que acontece à cotação do ouro?

cotação do ouro barack obamaEm Novembro de 2008, a primeira vez que Barack Obama foi eleito, a cotação teve a maior subida mensal dos últimos 10 anos, registando uma valorização de 12,9% bem acima da média mensal deste mês que ronda os 5%. Depois disso a cotação do ouro continuou a aumentar até aos dias de hoje algo que já leva 12 anos consecutivos de ganhos desde o inicio do bull market do ouro que se iniciou em 2001.

Para tentarmos perceber a influência desta recente eleição na cotação do ouro, fomos estudar os dados históricos da cotação do ouro desde a eleição do presidente Nixon, altura em que os Estados Unidos decidiram abandonar o padrão do ouro.

Eis o que descobrimos:

O ouro teve um comportamento muito interessante durante as presidências republicanas, aumentando 121% nos últimos 40 anos.

Nada mau!

Mas então vejamos o que aconteceu quando os Democratas estiveram na Casa Branca. A performance do ouro quase que triplicou, atingindo uns espectaculares 359% de valorização durante o mesmo período.

Interessante? Então espere para ver o que se segue.

Cotação do ouro aumenta sempre no 2º mandato!

Sabia que a cotação do ouro aumenta sempre durante a vigência do 2º mandato presidencial, sem excepção? Foi essa uma das conclusões a que conseguimos chegar. Obviamente considerando sempre o mesmo período.

Não sei se existe uma explicação lógica para isto mas posso avançar com uma hipótese: Nos Estados Unidos as presidências não podem ir além dos dois mandatos e por norma as pessoas não gostam de mudanças. Particularmente quando nos referimos às pessoas da área financeira. As mudanças de liderança deixam sempre os investidores nervosos, uma vez que não sabem se as politicas económicas serão estendidas ou alteradas.

Por outras palavras, os investidores, durante o 2º mandato presidencial nunca estão certos acerca dos melhores sectores de investimento.

Tal como já foi referido anteriormente o ouro é sem dúvida um dos melhores investimentos contra a incerteza, contra a inflação e até contra a instabilidade politica e financeira.

Os mercados financeiros olham sempre para o futuro para perceber onde poderão estar os próximos ganhos e num período como este, o ouro pode perfeitamente ser uma das escolhas.

Por último a eleição de Barack Obama foi um voto nas políticas de impressão de papel moeda por parte do FED para estimular a economia Norte Americana. Estas medidas implicam uma inevitável desvalorização do dólar com consequente fuga dos investidores para activos mais seguros e que representam uma enorme protecção contra a desvalorização do papel moeda – dólar.

Resumindo:

  • A cotação do ouro, nos últimos 40 anos aumentou quase o triplo nas presidências democratas com uma valorização de 359% (contra os 121% nas presidências Republicanas)
  • A cotação do ouro aumentou sempre nos segundos mandatos das presidências norte americanas
  • No mês em que Barack Obama foi eleito pela primeira vez, a cotação do ouro aumentou 12.9% a maior valorização mensal dos últimos 10 anos. Note que Novembro é, por norma, o melhor mês para a valorização do preço do ouro, com uma média de aumento de 5%.

Sinceramente não sei o que vai acontecer à cotação do ouro nos próximos anos, mas que existe uma forte probabilidade do valor do ouro ser bem superior daqui a 4 anos, disso eu não não muitas dúvidas. Cá estaremos para fazer essa análise no final do mandato.

Se ainda não pensou em comprar ouro, talvez não seja uma má ideia uma vez que estamos no inicio do 2º mandato de Obama.

Category: Análises, Cotação do Ouro, Curiosidades do Ouro, Investir em Ouro, Previsões

Leave a Reply

*


+ five = 6

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress